function click() { if (event.button==2||event.button==3) { oncontextmenu='return false'; } } document.onmousedown=click document.oncontextmenu = new Function("return false;")

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Infinita


Como vortices absorvedores
de paixões discontínuas,
      os amores sugam o cotidiano  de meus caminhos
traindo meus instintos
a muito tempo desconexos
da doce realidade amorosa,
fugaz e efêmera, mas vital
para almas escoriadas
pelas chagas da solidão
que plantadas no íntimo
sangram a dor de uma ausência
contida, mas eternamente urgente
desejada e querida.

                                                                                                                              J R Messias

Nenhum comentário:

Postar um comentário