function click() { if (event.button==2||event.button==3) { oncontextmenu='return false'; } } document.onmousedown=click document.oncontextmenu = new Function("return false;")

sábado, 19 de maio de 2018

Teu olhar


A expressão de teus olhos mestiços

revelam, por trás desse cósmico brilho, 

a cintilância de um ser 

telúrico, terno e convulso.



Que instrumentaliza as palavras

na forma de poesia, num esforço

proposital de transbordar, liricamente,

sua abençoada descompostura.



Teu aquilino olhar, seduz e incorpora

nas almas alheias, uma infanta curiosidade de

poder tuas rimas explorar,

teus segredos perscrutar e

tua poesia deleitar.







J. R. Messias

14 comentários:

  1. Muito bom!!
    Amei!

    Beijo. Bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  2. Depois de me deliciar com mais uma publicação/poema deliciosa/o, deixo votos de um feliz fim de semana.
    .
    * Amor feito de pura verdade *


    ResponderExcluir
  3. homenagem e rendição a um fantástico olhar.

    há novo post, por lá. Aparece, tá? merci!

    Beijinho, Messias!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, o olhar feminino...poucas coisas são tão belas ...
      Abraços.

      Excluir
  4. O que faz ser intensa sua poesia, é a leveza e doçuras com que escreves.
    beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço imensamente seu carinho. É a paixão que provoca isso.
      Abraços.

      Excluir
  5. Fantástico, maravilhoso :))


    Hoje:- Amor eterno: O meu alimento.

    Bjos
    Votos de uma óptima Quarta-Feira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não mais que os olhares de vocês, mulheres.
      Abraços.

      Excluir
  6. Há olhares assim, que seduzem e despertam a curiosidade dos outros.
    Excelente poema, parabéns.
    Bom fim de semana, caro Messias.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ...e quando estes olhares nos fazem apaixonar,
      melhor ainda.
      Abraços

      Excluir
  7. Já dizia um poeta... "Que os poemas tem ritmo para
    que possamos respirar." "E que quem faz um poema, salva um afogado" k
    Os seus poemas são como tu dizes: seduzem e incorporam com certeza as almas alheias.

    Agradecendo a visita no post 13 de maio...
    Me destes um novo post... uma hora dessas o novo post será espadas de São jorge... que gosto por demais...
    Sobre eu ser psicóloga? a única coisa que direi é que nem sempre plantei flores. k
    PAZ E BEM.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ..."quem faz um poema, salva um afogado" ???
      Deliciosa definição.

      Excluir
  8. Tem coisa melhor que ser correspondido em seus posts e comentários?? E o bom é ,que a Sra. sempre traz um "plus" (ou como diriam os incautos, "um plus a mais"), que surpreende e lisonjeia-me. Agradeço.
    Quanto as espadinhas de são Jorge, vou ficar na espera e quanto a ser ou não psicóloga, uma coisa é certa, alguém que se dá bem com plantas com o cuidado, carinho e sensibilidade, entender ser humano, é moleza.
    Abraços.

    ResponderExcluir