function click() { if (event.button==2||event.button==3) { oncontextmenu='return false'; } } document.onmousedown=click document.oncontextmenu = new Function("return false;")

terça-feira, 29 de julho de 2014

Sentimetálico


Num mundo de amores plastificados,
naturalizam-se sentimentos desatentos,
transformam-se amizades em meros contatos
e fazem das amizades, objetos insondáveis e isentos.

Mesmo que dispa-se a carne,
a aura dispersa a pureza do conteúdo,
o continente perde seu cerne,
e o ser desfaz o seu contorno.

Na nudez decrépita e expositiva,
busca-se a atenção, travestida de interesse,
esquece-se o valor da vida  putativa
e constrói-se anteparos para, a si, proteger-se.

Devaneios, meros e incontáveis, entrelaçados,
clamor pela atenção, sinuosa e matreira,
ânsia represada pelos diques do cansaço,
no ensejo pela justa vida fagueira.

                    J. R. Messias

       Imagem: sentimetalico.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário